O marketplace da Robbialac, a publicidade programática e os bons produtos e maus negócios – e67s01

podcast marketing portugal por idiotas

O marketplace da Robbialac, a publicidade programática e os bons produtos e maus negócios – e67s01

Episódio 67
48:47

Neste episódio do podcast Marketing por Idiotas falamos o marketplace da Robbialac e se será uma tendência. A publicidade programática e os bons produtos e maus negócios na inovação digital.

Episódio de: 4 de Maio, 2022

Download do podcast

MIGUEL

Esta semana trago uma notícia…não é bombástica como as que costumo trazer mas é uma notícia de uma tendência.

A robbialac lançou um marketplace chamado “O meu pintor” para ajudar clientes que compram tintas robbialac a encontrarem os pintores para as suas casas.

Eu faço parte desse target…confesso que a única coisa que percebo de tintas é que stucomat é uma grande tinta…e que stucomat é robbelack! Toda a gente pinta com stucomat, stucomat é robbelack!

Posto isto vamos aos detalhes:

O meu pintor é um marketplace, e o marketplace é robbialack!

Basicamente no marketplace os clientes metem detalhes sobre o desafio de pintura que têm e encontram os profissionais perto de si que o podem executar sem deixarem manchas na parede o pingos de tinta sobre o chão de tacos de madeira que vai fazer as vossas mulheres odiarem-vos para sempre e chamar-vos desleixados apesar de vocês terem metido jornais com fita adesiva e seguido o tutorial do youtube!

Bernardo Aragão o director de marketing da robelack diz que “Queremos deixar claro que na Robbialac os clientes podem encontrar tudo aquilo que necessitam para não adiar mais as pinturas lá de casa

Penso que ele podia ter acrescentado algo como “Queremos salvar o casamento do miguéis que acham que é fácil pintar sem destruir soalhos”

A ideia parece-me interessantissima e gosto desta estratégia de criar um marketplace para que o cliente final possa usufruir de profissionais que utilizam os produtos da marca.

Também acho boa para roubar dados e perceber como estão os orçamentos de pintura para mais tarde começarem a vender paredes pintadas em vez de tintas para pintar paredes.

O que acham desta ideia?

Acham que tem pernas para competir com outras soluções de marketplace tipo o zask? O taskrabbit e outras…ou é mais para o showoff?

Vamos começar a ver marketplaces especializados a aparecerem?

 

DIOGO  

https://www.linkedin.com/pulse/enough-humans-all-history-augustine-fou/  

Esta semana trago-vos o artigo do Augustine Fou, um especialista em cibersegurança e consultor antifraude, que comprou mais de mil milhões de impressões em várias plataformas de anúncios ou Ad exchanges (Google Ad Manager, Open X, AppNexus, etc.. 

Enfim, desses mil milhões de impressões ele incrivelmente conseguiu 1,2 milhões de cliques e adivinhem, 0 conversões. (mas tb n era ess o intuito do estudo dele)

O bom de controlar o próprio bid nestas plataformas, e ter um sistema para o fazer,  é que o Dr. Augustine Fou conseguiu ter acesso ao número de vezes que ele podia ter apresentado o seu anúncio e quais as redes de anúncio e sites que estavam dispostos a apresentar o seu anúncio (independente de bid ou lance). 

Claro que ele encontrou baste fraude nestes mercados e só nos EUA, nos últimos 30 dias, o anúncio dele teve 3 mil milhões de pedidos de cookies únicos, que é 10 vezes mais do que o número de americanos online. 

É normal um utilizador ter mais que um dispositivo mas mais que 3 não é muito usual. 

E Não pensem que o facto destas redes “garantirem”   uma medição externa por isso quer dizer alguma coisa porque considerando que as maiores agências de verificação anúncios “Integral Ad Science) e a DV (DoubleVerify)” dizem que 99% das impressões são de humanos, quer dizer que não estão a encontrar todos os bots, como ele encontra.

Ele fala também que cada vez mais os anunciantes estão finalmente a perceber que as agências só enviam este gasto para o chamado programtic porque é lá que têm mais lucro e não pelos resultados.

 

Enfim, de relembrar ainda que há vários processos em tribunais a falar da insegurança destas redes,  inclusive uma notícia que o Grindr, a famosa aplicação de encontros sobretudo para a comunidade LGBTQIA+, esteve a vendar a localização precisa dos seus utilizadores e que o próprio Jon Oliver no seu programa apresentou uma forma de medir os membros do senado que que clicaram em certos anúncios menos próprios. 

 

Enfim, como sabemos segundo o Miguel a privacidade, mas o programmatic será uma tanga? 

                                                                                                                                                                                                                            

FRED

 

Tema: Bons produtos e maus negócios: invenções digitais 

 

Ao longo dos últimos 15 anos, existiram ideias digitais inteligentes que cativaram imaginações, transformaram hábitos e reformularam indústrias e economias.

 

Há muitos grandes produtos digitais desta geração que ainda são maus negócios financeiramente.

  • A Spotify remodelou a música, mas a empresa ainda está a descobrir como gerar lucro consistente. 
  • A Uber alterou as cidades e tornou-se um modo de vida para alguns passageiros e motoristas. Mas a empresa gastou muito mais dinheiro do que aquele que trouxe ao longo dos seus 13 anos de vida.
  • Empresas como a Glovo, Instacart e outras empresas com foco em entregas de refeições ao domicílio, nenhuma conseguiu por enquanto tornar a empresa rentável. 
  • Já falámos neste podcast da Gamespot e da Robinhood, esta última ajudou a tornar o investimento acessível e divertido, mas não é ainda rentável. 
  • O Twitter é uma força cultural, mas nunca foi uma boa empresa a gerar dividendos.

 

Há algumas estrelas tecnológicas que são também (discutivelmente) grandes negócios, incluindo Facebook, Airbnb e a Zoom Video. 

 

Mas como é que tantas empresas com tecnologias transformadoras quebraram a regra de que um negócio morre se não consegue equilibrar o seu fluxo de caixa.

 

Os investidores acreditaram nos seus planos de negócio, as empresas com boas ideias têm tempo e dinheiro para sonhar em grande, expandir e descobrir como dar aos clientes o que eles querem – e eventualmente gerar lucros reais, também.

 

A Amazon é um exemplo famoso de uma empresa que gastou mais dinheiro do que aquele que trouxe durante alguns dos seus primeiros anos – uma condição temporária até ter simultaneamente um bom produto e um grande negócio.

 

Pergunta: Será que as ideias digitais vencedoras da última década são as mais inteligentes?
Ou são apenas as ideias com mais dinheiro para tentar (e continuar a tentar).

 

[RAPIDINHAS – Notícias de Marketing em Portugal] 

 

[FERRAMENTA DA SEMANA]

 Hotjar Surveys

 

Sobre o Podcast Marketing por Idiotas

podcast Marketing por Idiotas é um podcast sobre marketing em Portugal. Neste podcast semanal falamos sobre notícias, irritações e inquietações sobre marketing digital e analógico.

O podcast é apresentado e moderado pelo Diretor de Marketing da Turim Hotéis, Ricardo Vieira e tem como comentadores com lugar cativo o freelancer Diogo Abrantes da Silva, o formador e consultor Frederico Carvalho e o CEO da pkina.com e funis.pt Miguel Vieira.

Ouvir podcast marketing por idiotas

Temas no podcast

02:07
Temas
47:10
Rapidinhas

Neste episódio


Apresentador 2 Olá a todos bem-vindos ao Podcast marketing por idiotas no episódio de Hoje o Fred, vamos falar de bons produtos e maus negócios, invenções digitais.
Apresentador 2 O Diogo questiona, será o programático uma tanga? E, por último, Miguel pergunta se os marketplaces estão na moda, este é o marketing de idiotas, sejam muito bem vindos.
Apresentador 2 Olá a todos são então muito bem-vindos ao Podcast Marte por idiotas, o podcast onde todas as semanas o Diogo Miguel, o Freddie eu Ricardos 3 anos, últimas tendências, notícias e novidades sobre marketing, negócios e tecnologia.
Apresentador 2 Se procurava um sítio para se manter informada sobre estes temas. Estão no sítio certo? Olá, Miguel Alô.
Apresentador 2 Olá, Fred.
Apresentador 3 No dia boa tarde, boa noite, boa madrugada.
Apresentador 2 Onde quer exato obrigado, não é mais realista e ao lado Diogo.
Apresentador 2 Tudo bem com vocês, tudo bom eu.
Apresentador 2 Reparei que nunca pergunto isso e avanço logo faço aqui, portanto só queria fazer essa pergunta se.
Apresentador 5 Tão bem, e nós sentimo-nos sempre ofendidos, por que não perguntar, não é?
Apresentador 2 Sim, eu sei, eu é bom esse bem sempre.
Apresentador 3 Como é que?
Apresentador 3 Tu te sentes Hoje Ricardo? Estás tranquilo, eles bem.
Apresentador 2 Obrigado, obrigado sim, obrigado por perguntares e és o tu és o Fred fez o Fred Nash.
Apresentador 2 Desculpa, tudo bem?
Apresentador 2 O Fred obrigado frente, é bom antes de prosseguirmos no podcast só para relembrar que no podcast, além dos 3 temas que que já mencionei, temos ainda um momento deixar o Twitter onde necessitamos, anunciamos os novos subscritores da nossa conta de Twitter marketing idiota, que é também onde podem interagir connosco. Temos o momento das rapidinhas que, ao contrário do que podem pensar, são apenas as notícias mais importantes da semana, mas em formato rápido e, por último, a poderosíssima, sempre útil ferramenta da semana, muito bem, sem mais demoras, com pompa e circunstância bem-vindo, Miguel.
Apresentador 2 Então vamos falar de moda?
Apresentador 5 É é eu esta semana trago uma notícia, não é bombástica como as que eu costumo trazer, mas há uma notícia de uma potência, de uma possível tendência.
Apresentador 5 A arroba loc arroba leak lançou um marketplace chamado o meu pintor para ajudar clientes que compram tintas Robbie laca a encontrarem os pintores para as suas casas.
Apresentador 5 Eu faço parte desse target que precisa de ajuda. Eu confesso que a única coisa que eu percebo sobre tintas é que se combate é uma grande pinta e que se.
Apresentador 5 Tu come há quem roube Lago.
Apresentador 5 E que Toda A Gente pinta concerto com Mac porque se.
Apresentador 5 Tocar lá que arroba lac.
Apresentador 5 Eh pá mas ainda me lembro disto, vocês lembram-se desta desta música? Se tu come maca uma grande pinta, lembram-se disso.
Apresentador 2 Sul com maca Robbie lá que errou Bilac.
Apresentador 5 E Robbie Laxe tomate e o tipo de tinta que é da rubi.
Apresentador 2 OK.
Apresentador 2 Lac OK obrigado.
Apresentador 5 OK.
Apresentador 5 A por ISTO vamos aos detalhes, o meu pintor e o marketplace e o Marketplace Arroba Leak eh pá Basicamente. Meu Deus.
Apresentador 5 Basicamente no marketplace, os clientes metem detalhes sobre o desafio de pintura que têm tipo as medidas das salas e.
Apresentador 5 Et cetera é e enquanto os profissionais perto disse que o podem escutar sem deixarem manchas na Parede pins tinta sobre o chão, destaques de Madeira que faz com que as Mulheres comecem a refilar e NOS rodeiem Ham e basicamente encontramos profissionais para utilizar os produtos da Robialac OK AO Bernardo Aragão, o diretor de Martin de hobby lá que descremos deixar claro que na hobby lá que os clientes podem encontrar tudo aquilo que necessita.
Apresentador 4 Okay.
Apresentador 5 Para não adiar mais as pinturas lá de casa. O que me parece interessante, eu penso que a política que está algo como crime, salvar o casamento de tipos como Miguel, que acham que é fácil pintar sem destruir os olhos, é.
Apresentador 2 Para os me fez tão foi?
Apresentador 5 Eu já já vocês?
Apresentador 3 Tentam pintar AA própria casa, um claro eu amanhã, quarta-feira, entre aqui 11 pintor em casa que vai pintar a sala e o quarto por causa da nova bebê.
Apresentador 3 Exatamente imagina uma teoria fazer porque eu tentei uma vez e correr mal.
Apresentador 5 É para poesia é um é uma tarefa que realmente não é fácil. Eu também já tentei fazer um.
Apresentador 5 Passagem com meus minha nossa.
Apresentador 2 No entanto, parecia tão fácil, não é?
Apresentador 3 Olha, vou partilhar contigo que eu comprei uma tinta especial para uma Parede que supostamente pegar uma caneta de feltro.
Apresentador 3 E quando pintasse nessa Parede, eu depois passava com água que ele saía pronto. Não preciso explicar o que aconteceu velho para isso, mas o quarto de mão.
Apresentador 2 E essa água benta.
Apresentador 3 Tudo, passei aquele tanto de filtro ficou lá.
Apresentador 3 Careta não seja com água.
Apresentador 6 Mas mas tinhas que estar, não é? Tinha?
Apresentador 6 Que tinha que ser de externo?
Apresentador 3 Foi, no entanto, Ministro lado.
Apresentador 4 Que Alá é exato.
Apresentador 5 Acho que acho que sim. Ainda há essa ideia do marketplace. Me pareceu muito interessante, gosto da estratégia de criar um marketplace para que o cliente final possa usufruir de profissionais que utilizam os produtos da própria marca. OK? É também acho uma boa ideia para roubar dados e perceber como é que estão os orçamentos de pintura para mais tarde, em vez de começarem em vez de venderem, em vez de venderem tintas, começam a vender para eles pintadas. O podia ser uma estratégia de negócio.
Apresentador 5 Por cento é a parte que eu trago para vocês Hoje. O que que você acha deste ideia de criar um marketplace de profissionais que vão utilizar os nossos produtos?
Apresentador 5 Acham que isso tem pernas para competir com outras seções? Tipo os ASK ou task Rabbit ou é uma coisa mais para mais para um show off? Acho que vamos ver começar a ver mais de marketplace especializados aparecerem está na moda.
Apresentador 2 Muito bem, quando vocês querem começar Diogo Fred, alguém se querem dissipar pode ser o Diogo.
Apresentador 2 Tem mais experiência que pintura, desculpa. Foi só por isso ter prioridade.
Apresentador 6 Então, na verdade, acho que é para acho que isso é mais um pior que um pior estado do que outra coisa seja.
Apresentador 5 Você passou a vida, então?
Apresentador 6 Essa chance of essa chance of não, não parece que será um de toda uma concorrência? Zaz, com outros marketplaces que estão.
Apresentador 6 Abrir pá, recordo-me de outro, houve. Houve aí pelo menos um qualquer que também estava abrir aqui em Portugal, mas acho que é que é uma ideia interessante. Na óptica do departamento de Marketing Arroba Lac no sentido em que.
Apresentador 6 É eu o sistema tenta ajudar, não é a resolver um dos grandes problemas que é encontrar um pintor para.
Apresentador 6 A pintar a casa, não é? E acho que isso é é é muito. É muito bom pensar como departamento de marketing, pensar nessa necessidade do utilizador e tentar a ajudar o utilizador.
Apresentador 6 Com isso a eu acho que, por exemplo, também o Ikea está a fazer algum semelhante, mas com designers de interior.
Apresentador 6 O que eles têm agora um serviço de designer, de interior, etc. E acho que são vários designers de interiores. Eu Não.
Apresentador 6 Sonho é, mas sim, acho que acho que sem dúvida é uma boa forma de obter dados, não é estavas a falar?
Apresentador 6 É muito bem, é, é muito bem pensado, não é? É uma forma de obter estes dados de quanto é que está a custar, quem é que são os pintores? Não é por qualquer pintor que se inscreva lá.
Apresentador 6 Pode ter a certeza que vai levar com informação sobre a robialac não é? E promoções sobre arroba lac não é?
Apresentador 6 Portanto, acho que que é 11 boa jogada de deita.
Apresentador 2 Muito bem, Fred, partilha da mesma opinião.
Apresentador 3 Eu estava aqui, eu vi o vídeo é estava aqui a ver o vídeo da apresentação. Não conhecia, não conhecia, é eu, eu acho que é muito interessante.
Apresentador 3 O senhor não tem, não sei se perdi mesma opinião em relação ao stent. Martin é um exemplo que me ocorreu foi que nós temos acompanhado agora dentro que visam.
Apresentador 3 É o caso da volta a volta de que toda a vida nós temos Memória relacionada com o Tema de relatório domésticos. Agora vai passar a vender Cosméticos, portanto, na minha cabeça é uma coisa que não tem nada a ver.
Apresentador 3 É no caso aqui é da robialac eles vendem tintas e criar um sistema, um software. Nesse caso, softwares de serviço que precisa de interlocutor, portanto.
Apresentador 3 Neste tópico aqui dos marketplaces, nós sabemos que os mercados são um modelo de negócio muito poderoso. É que é o que no fundo eu estou a tentar construir, mas isso pode depois e concordo com o que o Miguel, isso para perdurar e para atingir eventualmente liquidez.
Apresentador 3 Se eles quiserem eventualmente transformar isso depois mais pra frente como algo rentável e não só, na verdade, tinha.
Apresentador 3 Talvez eu acho que é por cento inteligente, porque eu tive a ver aqui o vídeo.
Apresentador 3 Vídeo mostra aqui bastante especialização.
Apresentador 3 É pergunta, quantas visões pergunta bom, isso eu, eu já me sinto.
Apresentador 3 Muito à vontade para falar disso, porque depois da publicidade que o.
Apresentador 3 Com a música que o.
Apresentador 3 Miguel cantou Hoje recebo o título.
Apresentador 3 Então, não está valer a pena comentar ISTO?
Apresentador 5 Já estás a ver Safas com uma lata de tinta para o quarto da bebé.
Apresentador 2 Mas o que é que precisas frete? Quer especificar cores e.
Apresentador 3 Qual é o maior problema aqui do marketplace? É a ligação entre os compradores e vendedores.
Apresentador 3 Neste caso, o que eles querem?
Apresentador 3 Fazer e que o Diogo estou muito bem e os pintores com eventualmente.
Apresentador 3 Não é que da nossa perspetiva, nós achamos que há pessoas que querem pintar a casa com pintores, não é da perspetiva da rua larga e vender mais tintas a quem vai?
Apresentador 3 Fazer esse serviço.
Apresentador 3 Portanto, esta ligação entre compradores e vendedores pode não ser suficiente para a realização de uma transação, porque há aqui 4 tónicas relevantes que é a fricção.
Apresentador 3 Do que é que ISTO pode vir a surgir? Como é que ISTO?
Apresentador 3 É feito é um.
Apresentador 3 Processo novo desconfiança porque a pessoa.
Apresentador 3 São crianças e que isso pode até pode esta desconfiança até pode rasgar a favor da robialac porque AA muitas pessoas que trabalham neste setor não tem é conhecimentos da área digital de rir ou balada, que neste caso resolve esse Tema e depois aonde para um dos Marketplace Marketplace, falando da fricção entre confiança que a incerteza que permanece com alguma frequência é nós, num dos pontos que estes não, não me recordo episódio, mas nós falamos sobre o marketplace. Na altura eu recordo em ter é referido marketplace.
Apresentador 3 Que é da dum uma empresa de capital de risco.
Apresentador 3 Que é do andron o orbits?
Apresentador 3 É que é é no fundo, ele fez um ranking das maiores e mais brilhantes startups viradas para a.
Apresentador 3 Marca de Plays.
Apresentador 3 A escrever um artigo sobre isso, mas nós falamos disso no podcast a mas só para fechar, os marketplaces são empreendimentos de energia que intensiva.
Apresentador 3 Se ISTO vai resultar ou não, eu, eu tenho alguma tendência a acreditar que sim, porquê? Porque eles, ISTO é uma marca que não tá a partir do zero. Já tem base dados de quem é que faz estes serviços?
Apresentador 3 No fundo vai comunicar que tem um novo serviço.
Apresentador 3 E eu acho que ISTO vai o desafio não é tanto do lado.
Apresentador 3 De quem vai?
Apresentador 3 Realizar eu acho dos neste caso os pintores. Eu acho que o maior desafio é colocar os consumidores e a usar a ferramenta.
Apresentador 5 Mas teoricamente teórica, desculpa, diz, e depois digo.
Apresentador 3 Eu, eu só terminar a dizer que a, por exemplo, no meu caso que eu quis um pintor. ISTO é totalmente recomendação a perguntar BB perguntar ser pronto, porque é uma coisa delicada, sabe quanto tempo vai ser pronto, enfim, a ser continua sempre um primo.
Apresentador 3 Neste caso, era uma pessoa que não.
Apresentador 3 Tinha nenhuma ligação.
Apresentador 3 Familiar, mas ISTO para dizer que ISTO tem a ver com os efeitos de rede.
Apresentador 3 Eu acho que a plataforma está bem feita para pessoas que não têm esse.
Apresentador 3 Efeito de rede e que querem a.
Apresentador 3 Através da marca chegar a uma solução, mas acho que há sempre aqui um risco de fricção. Acho que esta plataforma talvez possa eliminá-lo.
Apresentador 5 Não achas que há uma que é uma tendência? Nós, por exemplo, deixamos de comprar tintas, nós, o consumidor final, passamos a comprar paredes pintadas.
Apresentador 3 E eu Lembrei-me novamente. Worten abort vende, neste caso, não é a especialidade deles, mas eles vendem painéis solares ou quando é que é o serviço que eles tem no site. A possibilidade de tu entrares no site e medires Oo teu telhado e automaticamente o sistema faz uma recomendação. Qual era os painéis solares que mais que melhor se podiam atuar em diferentes variáveis de preço para o telhado? Portanto, o que eu quero dizer com isso?
Apresentador 3 E em relação à tua pergunta específica, a se é uma Parede já pintada.
Apresentador 3 O importante aqui é dar uma solução que seja software que acelera a curva de aprendizagem para o cliente dele querer um determinado produto.
Apresentador 3 Não tenho a certeza se passa por uma Parede pintada ou não, mas tenho a certeza que passa por as empresas construírem software para acelerar o processo de decisão dos consumidores faz sentido?
Apresentador 2 Também fez sentido, Miguel.
Apresentador 5 Acho que sim.
Apresentador 2 Acho que sim, Eu Não sou 20. O que acham?
Apresentador 2 Bom antes de mais.
Apresentador 2 Deixar que isso?
Apresentador 2 Já que já que falamos, fica aqui a nota, o Fred vai precisar tanto da cor código é deixando isso aqui apontar, porque não estava possível que o Miguel tinha em cima da mesa um, portanto, uma lata de 5 de desculpa e 15 l de Estocolmo at é agora está percebido.
Apresentador 4 Posso contar?
Apresentador 2 Robson está ao vivo porque é claro que recebemos com todo o gosto em especial. É bom qualquer um dos 3 aqui estou no painel de só precisa pintar a casa claramente.
Apresentador 2 Não vem nas imagens para ver como vejo.
Apresentador 2 Nota foi temente isso em particular, que o Fred vai precisar de pintar aqui várias divisões de cor de rosa. Muito bem, é o que não está pintada cor-de-rosa, mas tem de verde. É o nosso grupo de WhatsApp que podem ser através do LINK W ponto martinpediatras.pt. O grupo pode SAP onde estamos nós estão também alguns dos nossos ouvintes onde para temos ideias é notícias é e 8 Sin City todas as semanas para temos também um é conteúdo, é exclusivo esta semana o conteúdo exclusivo do nosso Grupo do WhatsApp é o estudo do Facebook sobre 500 lá em pajas e como otimizá-las.
Apresentador 2 Portanto, devem aproveitar e aderir ao grupo em W ponto Martin pageotas.pt.
Apresentador 6 Então esta semana trago-vos um artigo do how gast in full OK? Um especialista de cibersegurança e consultor antifraude, que comprou mais de 1000 milhões de impressões em várias plataformas de anúncio ou as chamadas e de exchanges, não é? Estamos a falar do Google e do Google manager open ex epp nexos, onde, portanto, são os locais onde nós podemos comprar anúncios, OK? São esses mercados onde nós podemos comprar nossos a enfim dessas a 1000 milhões de impressões.
Apresentador 6 OK ele incrivelmente conseguiu 1,2 milhões de cliques e adivinhem quantas conversões?
Apresentador 6 Zero OK, mas a verdade é que isso também não era o intuito do estudante, então é um estudo que eu estava a fazer, é e na verdade eu estava com a comprar a tráfico muito, muito, muito barato. É e era esta Esperança que eu que eu conseguisse era ter exatamente identificar os os maus site, os maus é.
Apresentador 6 Placement onde os seus anúncios poderiam parecer, enfim, é o Bonde controlar o próprio BID nestas plataformas de ter um sistema que o possa fazer, não é? É permite AO permitiu que o que o Doutor Agostinho full conseguisse ter o número de vezes que o seu anúncio poderia ser apresentado e quais as redes e sites é esse anúncio poderia a.
Apresentador 6 A ser apresentado também, OK?
Apresentador 6 Claro que é.
Apresentador 6 Como vocês sabem, este mercado tem bastante Freud, não é? É e ele conseguiu encontrar, não é vários, é vários sites de Freud e só pretendem 11 ideia nos Estados Unidos NOS últimos 30 dias, tá bom? Tanto isso foi publicado esta semana, ele teve 3000 milhões de pedidos de cuques únicos, Okay? E estes são 10 vezes mais do que a população. Tanto o número de americanos que está online, k entendi, são 300000000 de americanos online e ele teve 3000 milhões de pedidos.
Apresentador 6 De coques únicos, não é preciso muito mais e só dos Estados unid.
Apresentador 6 Não é, portanto, muito mais do que os americanos que existem online, tanto 10 vezes mais. E claro, é normal que um utilizador tenha mais do que um dispositivo. Isso é totalmente normal, mas mais do que 34 ou k 10 é um pouco anúncio. Jul OK, segundo ele, a enfim a um e não pensem que o facto destas redes garantirem uma medição externa e de terem 11 verify agências de verificação como a antiga LED sign o The Book like vos vão proteger porque, segundo eles.
Apresentador 6 Segundo a integral e de ciencia EAA.
Apresentador 6 Aliás, é 99% destas impressões. OK? Que ele teve a servir foi a humanos.
Apresentador 6 K, que não é possível, certo? A mais? Ele fala também que cada vez mais os anunciantes estão finalmente a perceber que as agências só querem enviar a este gasto para o chamado programático, porque é onde obtêm mais lucro. Ele próprio faz este pequeno ataque. É de relembrar que há realmente vários processos em tribunal sobre a insegurança destas redes, inclusive 11 notícia que saiu ontem sobre o.
Apresentador 6 Minor a é famosa aplicação de encontros, não é da da Comunidade e deixa-me lá ver Se Eu consigo dizer ISTO bem LGBT que aí a mais, acho que não falhei nenhuma letra.
Apresentador 6 AEEE, então a parece que o Greiner teve a vender AA localização precisa dos seus utilizadores, não é? A havendo a vender ou ou foi like.
Apresentador 6 A vender acontece sempre nas exchanges. Vocês podiam comprar exatamente qual a localização do utilizador.
Apresentador 5 É pá ISTO.
Apresentador 3 Miguel mete as mãos à cabeça neste.
Apresentador 5 Momento é pá, Eu acho não. Eu já estou a ver e que pronto vou descobrir que ele pá lá esquece.
Apresentador 2 Miguel já é Público de lá, Fonseca.
Apresentador 5 Eh pá, foi é brutal.
Apresentador 6 E não há nada de mal com isso, Miguel.
Apresentador 4 Agora, se não.
Apresentador 2 Pela localização? Sim, há mal.
Apresentador 5 É pá, todos todos tivemos as nossas maluquices, não faculdades.
Apresentador 6 Há mais.
Apresentador 6 O John Oliver no seu próprio programa, também apresentou a há 2 semanas ATR.
Apresentador 6 Mas há uma forma de medir membros de senato do Senado, aliás, que clicaram em anúncios menos próprios. OK Ai prometeu que poderia relevar a revelar, aliás, quem é que foram esses a esses utilizadores a mas pronto e, portanto, há aqui vários problemas de privacidade, mas não vamos falar sobre a privacidade. Até porque, como sabemos, Segundo Miguel, a privacidade?
Apresentador 5 É uma tanga.
Apresentador 6 Exatamente, mas a minha questão para vocês é isso e o programática é uma tanga também.
Apresentador 3 UI aí que é?
Apresentador 2 Aqui temos a primeira.
Apresentador 5 Posso ser eu a EU eu respondo o primeiro, vou analisar a primeira parte da tua notícia é pá, ele comprou 1000 milhões de visualizações entre aspas gambuzinos, não é?
Apresentador 5 Ele foi comprar o mais barato do mais barato a praticamente aquilo que é quase grátis, não é para ele ter comprado.
Apresentador 6 É verdade ele ele.
Apresentador 6 Comprou a 0,1 cêntimos de CPM, CPM, ou seja, a cada 1000 impressões. Ele pagou um cêntimo.
Apresentador 5 Ou seja, ele foi comprar aquilo que não é vendável teórico.
Apresentador 6 Mente exatamente que teoricamente, mas era a ideia dele, não é? Portanto, era era a questão da experiência dele que ele queria fazer. Era exatamente isso, era identificar estes site. AA EE, realmente o que é que que placement é que estão mais propícios a estes bots e este spam?
Apresentador 5 A eu relativamente à ideia do programático dessa compra mais mais automatizada, não é ou totalmente automatizada? Eu Não vejo isso com maus olhos, OK? Eu acho que ISTO não é um problema, não é propriamente um problema da da tecnologia ou desta tag.
Apresentador 5 Clica Ai eu penso que o problema é um bocadinho aqui um bocadinho diferente, ISTO é pá foi um bi de muito baixo, foi mesmo ir comprar tudo o que é joio em vez de comprar algum trigo, não é?
Apresentador 5 E isso pode ter tido resultado aqui NOS maus. Pode ter influência NOS maus resultados.
Apresentador 5 A agora aqui a questão dos Bots, Clicarem NOS anúncios. Eu penso, isso acontece com todos os fornecedores, eh pá de cliques e impressões, sejam eles fornecedores que eu considero pessoalmente premium. Eu considero o Google um bom fornecedor de pá um dos melhores, não é deste tipo de.
Apresentador 5 De anúncios ou de de impressões, etc. Ai eu penso que ISTO acontece em todo o lado, porque os bots andam. Aí eu tenho um exemplo do anunciante que nós reparámos a determinada altura, que cerca de 30% das visitas vinham do mesmo do mesmo website. Quando nós fomos começar a esmiuçar, percebemos que era um serviço que vendia visitas humanas. Há um site Ai. Eu também não sabia que ISTO era possível, mas na realidade é possível. ISTO são com instalações que eles fazem no.
Apresentador 5 Na nas extensões do Chrome etc. E o Google analytics não detecta both detecta uma pessoa que foi visitar um site, não é? E eles nesse site diziam que ISTO era uma espécie de testador de site etc de coisas de analytics, mas na realidade é diferente do Chegas lá em compras 100000 cliques ou 100000 visualizações de humanos para o teu site, eh pá, O que é extremamente a meu ver, é extremamente grave, é pá, é uma coisa do outro mundo. OKE, note-se que este anunciante estava a comprar a.
Apresentador 5 Custo por lead.
Apresentador 5 A mas com uma base muito grande de Afiliados, OK? ISTO parece-me que é uma passam. São burlas que os afiliados também às vezes fazem a neste neste tipo de estratégias e eu vejo as agências de verificação externas um pouco como a Moody's a fazer reviews a bancos, ou seja, são os próprios clientes, são os próprios clientes que lhes pagam para terem uma review. Obviamente, nem sempre o tripa lei não é, não vai sair, não vai sair, eh pá, ISTO, afinal é uma tanga, não é? Não, isso não, isso não pode acontecer.
Apresentador 5 A relativamente à questão das zero conversões, Eu Não sei se ouviste stand, a notícia está ou não?
Apresentador 5 O que ele estava a tentar vender, já agora, ele está o.
Apresentador 5 Que ele estava?
Apresentador 6 A converter a ideia.
Apresentador 6 Não era tanto a questão de conversões. As conversões eram só 11 pedido de informação.
Apresentador 6 Não era nada demais.
Apresentador 5 Mas ele ele dança. A notícia não está a ser mauzinho, porque eu lanço a notícia a dizer 1000 milhões de impressões, não um ponto, 2000000 de cliques e zero com versões. Eh Pá, EU também consigo fazer uma página, dá sempre dizer conversões nessa página. Foram horrível.
Apresentador 6 Isso é porque isso é porque não Leste ou não tiveste no nosso grupo do WhatsApp e não recebeste o Belo conteúdo desta semana.
Apresentador 5 Esta semana andei aqui um bocado, um bocado estranho.
Apresentador 5 Mas mas é pá, mas é isso eu, eu acho que há muita fraude neste mercado. Eu acho que não tem só a ver com programática, mas o que eu que eu tenho a dizer aos nossos ouvintes e é pá, Mantenham-se Longe algumas destas redes.
Apresentador 5 Porque realmente existem muitas redes que nós às vezes nem conhecemos e começamos a pesquisar é pá, e se calhar um bocado ISTO não é, estamos a comprar barato, mas o barato sai caro.
Apresentador 5 Em última análise, é quanto é que ele gastou neste nestes 1000 milhões de visualizações?
Apresentador 2 Em fazer as contas Se Eu compro um sentido de CPM, aparecem euros e as coisas tá ver se o 10 EUR.
Apresentador 2 A Fred, não sei, Miguel, se já tinhas.
Apresentador 5 Já já terminei já terminei.
Apresentador 2 Muito bem, Fernando.
Apresentador 3 A parte técnica, não domingo também, mas isso é que o Diogo vai falar isso cadinho. Mas o remete para o Tema da da lei dos mercados digitais, que foi aprovada no final de Março de 2022. A lei dos mercados digitais, no fundo, vai colocar na lista negra certas práticas utilizadas pelas plataformas que atuam como guardiãs que são intermediárias, e ISTO depois vai permitir supostamente a Comissão Europeia fazer análises a fazer investigação. Mas ISTO no fundo, infelizmente há aqui alguns conselhos.
Apresentador 3 Que nós temos apreciado como mais práticas, neste caso, as condições onde os porteiros que são as AA Agence Presse, um serviço de publicidade online a utilizadores. Neste contexto, empresariais, pessoas que estão a investir, incluindo anunciantes como editores, ISTO são pouco, são pouco transparentes e muitas vezes são opacas que só reforçando o que o Diogo já já referi. Esta Opacidade no fundo está ligada às práticas, muitas plataformas e a complexidade da publicidade programática.
Apresentador 3 NOS tempos modernos e eu tenho a sensação de que esta introdução da nova legislação sobre a privacidade. Eu já sei que o Miguel de não não interessa.
Apresentador 3 Qual é a legislação? Porque vai ser para estar que tenha? Mas o que se espera que seja menos opaco, principalmente quando há com esta anunciada remoção dos cookies de terceiros.
Apresentador 3 Vamos lá ver se ISTO vai para a frente ou não, mas no fundo é e fundamentalmente o que eu retive.
Apresentador 3 Da informação que o Diogo passou que o anunciante teve falta de informação, falta de conhecimento do que é que estava, em que estava a investir, de quais as condições de serviço da publicidade, possivelmente.
Apresentador 3 E que não é uma coisa que é exclusiva dele, basicamente está a acontecer com e com muitos, portanto, a as próprias plataformas.
Apresentador 3 No caso do Facebook, recorrentemente para quem faz um chá que eu.
Apresentador 3 Estou a falar a.
Apresentador 3 Põe sempre a vida a dizer que vai devolver dinheiro, porque houve um erro qualquer que ninguém sabe qual.
Apresentador 3 É que foi e onde é que foi?
Apresentador 5 Mas também devolvem sempre tipo 1, EUR e qualquer coisa.
Apresentador 3 Pronto, mas tu sabes do que foi um dia e disse, há um erro, mas onde o quê? Como pronto?
Apresentador 6 O Google galette faz o mesmo, não?
Apresentador 3 É, pois faz o mesmo. Nós estamos a assistir a custos mais elevados que estão a reflectir se provavelmente emprego.
Apresentador 3 Que os utilizadores finais pagam por muitos produtos e serviços diários que vão depender da utilização da publicidade. Portanto, eu espero que estas obrigações de transparência AA correr bem ou não, não sei, mas acho que alguma coisa está a ser feita. Vai exigir aos gatekeepers que fornecem aos anunciantes, aos editores informações sobre os serviços de publicidade de forma eficaz, qualidade contínua em tempo real seria perfeito, mas enfim, AE quando solicitados na medida do possível, já agora, quando a pessoa quer informação.
Apresentador 3 Saber o que é que está a pagar, quanto é que está a pagar e como é que e como é que aquilo que está a ser fornecido.
Apresentador 6 Uma questão rápida, vocês acham que as agências estão cientes desta fraude e vendem na mesma ou nem por isso ou também desconhecem?
Apresentador 5 Eu acho que.
Apresentador 5 Eu acho que uma agência por si só, não, não.
Apresentador 5 Não tem interesse em vender ISTO assim. Eu Não acredito que pá, eu estou a falar de agências credíveis. Não é tipo uma havas, uma mídia com essas grandes agências Eu Não as vejo a ver ISTO com bons olhos, porque ISTO eles não tem interesse. Eles querem vender os cliques, mas os cliques há muitos, não é? Eu Não, não tenho.
Apresentador 2 Quanto a muitos.
Apresentador 5 Não tem interesse? Clique já não, mas é claro que há muito se eles não têm interesse nenhum, eles querem vender e resultados ao.
Apresentador 5 Cliente porque sabem.
Apresentador 5 Que Oo cliente quando tiver resultados, mantém-se com.
Apresentador 5 Eles, não é?
Apresentador 5 Eu Não eu pá, Eu Não vejo nenhuma agência, deve de ser e fazer isso.
Apresentador 3 Recebeste, mas a minha davas confessa em que exato?
Apresentador 2 Não é que tiraste a lata de tinta e puseste.
Apresentador 2 Aí enviei o meu.
Apresentador 5 Currículo para lá para arroba lac.
Apresentador 3 Era só pra saber?
Apresentador 5 Não, mas Eu Não. Eu Não vejo estas essas grandes agências é pá.
Apresentador 2 Não acreditas que haja má-fé da parte das agências e em fazer esse pus para os clientes, mesmo sabendo todo tudo o que é estas dinâmicas deste mercado?
Apresentador 5 Eu Não, não acredito.
Apresentador 2 É e que tem muitas, como o Diogo disse muitas fraudes.
Apresentador 5 É a mesma coisa que eu acreditar que um publisher, tipo, Sei Lá, o Correio da Manhã, qualquer coisa me vendo clipes e depois são eles a clicarem NOS anúncios, não é?
Apresentador 6 Mas posso posso referir?
Apresentador 6 Um sistema que estava lá no acho que era no Newsweek.
Apresentador 6 Que foi descoberto, que é eles tinham um script para um verificador que era a mott e então, sempre que a morte é um verificador, a ver se Oo anúncio foi, teve uma impressão visível ou não? OKEAA Newsweek, na verdade, tinham um script que sempre que esse mote era a lançado No No site, tinha escrito que iria sempre dizer a morte que aquele anúncio tinha sido visível. K, portanto, ISTO foi um, foi um, foi um escândalo, foi.
Apresentador 6 Bem, foi uma descoberta que aconteceu há há relativamente pouco tempo.
Apresentador 3 Mas só por curiosidade.
Apresentador 3 Quem só uma pergunta para para os 3, se já tiveram suspeitas de que de alguma forma estavam a ser enganados para essas plataformas?
Apresentador 3 Era ter relativamente aos anúncios, claro.
Apresentador 6 É pá eu posso? Eu posso dizer que há muitas das plataformas onde mesmo na Rede Google OK mesmo utilizando a Rede Google.
Apresentador 6 Nem vou falar das outras redes porque as outras redes, às vezes aquilo é em enfim, mas mesmo na Rede Google eu constantemente tenho que ir excluir a placement que são de bots são claramente de botas e tenham 11 forma anti Bot no site para medir exatamente a isso aí quando faço anúncios de display, só faço anúncios em site que conheço, caso contrário não faço anúncios em site que eu desconheço anão ser que seja a pagar por resultados.
Apresentador 5 OK que eu eu quando comecei a comprar publicidade digital há há uns bons anos, quando ainda era media player no início, tinha aqui alguma desconfiança porque os próprios meios e tinham muita relutância em vender custos por clique. ISTO foi antes de sequer de custos por clique ser uma coisa não é só se vendia custos por impressão, é pá. Eu tínhamos assim uma espécie de alguma desconfiança, mas depois, em última análise, tendemos em acreditar que o Publisher paulistas credíveis não é por aí.
Apresentador 4 OK.
Apresentador 2 Parece-me bem.
Apresentador 5 Mesmo é pá, não. Também não tem interesse em fazer isso, mas eu, eu tenho andado a ser impactado todas as semanas com publicidade do Click EXE.
Apresentador 3 Também eu? Aí sim, sim.
Apresentador 5 É uma aplicação que supostamente faz com que os bots e os seus concorrentes não cliquem NOS teus anúncios clix exatamente eu já percebi que tenho muitos votos a clicarem.
Apresentador 6 Como é que se isso?
Apresentador 5 Algumas coisas, EE também que os concorrentes devem andar a clicar porque ele próprio onde a clicar NOS a minha concorrência para não para ver, para ver as referir, ver não a sério, mas não é aplicar feito parvo 20 vezes no mesmo anúncio, só para estrangular dinheiro. Mas eu faço pesquisa.
Apresentador 3 Não deu.
Apresentador 5 Google Dana eu faço pesquisas, eu faço pesquisas sobre o mercado e clique NOS links para ver o que é que está a ser feito e que não está a ser feito. Obviamente não é.
Apresentador 2 Faz isso uma vez.
Apresentador 5 Faço uma vez por uma questão de ética, por uma questão de ética, realmente não faço, não me meto aqui, tá? Várias vezes exato, estou no cabo do budget.
Apresentador 2 Mais do que uma vez?
Apresentador 2 Por dia, fazes bem?
Apresentador 6 Deixa-me só adicionar esta este caso.
Apresentador 5 Não, mas só para só para salvar a honra. Atenção.
Apresentador 2 Estava lá.
Apresentador 5 Eu clico mesmo só para ver o que é que ele é que está Eu Não estou aqui a clicar, ligar para coisa.
Apresentador 3 Me diga aquilo foi Miguel, ISTO faz caridade.
Apresentador 2 Eu Não consigo obter, eu clico mesmo só.
Apresentador 5 Só por clicar.
Apresentador 2 Eu Não consigo.
Apresentador 6 Deixa-me só dar aqui este exemplo na Agência nós Aas, ainda cheguei a apanhar um placement que a era um redirecionamento e o redirecionamento desse placement tinha 3 vídeos por trás do Background, 3 vídeos do YouTube OK com publicidade.
Apresentador 2 Espetacular, não é?
Apresentador 3 Estou isso é que a rentabilização de.
Apresentador 6 E o vídeo era uma mão?
Apresentador 6 Era ISTO era uma mão a passar, não é no teclado e era este o.
Apresentador 2 Vídeo, não viste nada? Não viste nada.
Apresentador 6 Milhões de impressões, milhões de visualizações aquele vídeo.
Apresentador 2 Há pessoal, genial, genial, muito bem, que também é genial e que faz parte do nosso grupo do WhatsApp em W ponto marketingidiotas.pt já tinha dito ia lá também podem iniciar a discussão sobre aquilo que nós vamos falando aqui. Bom, antes de continuarmos se gostarem do nosso podcast, por favor, não se esqueçam de deixar uma avaliação, seja no Spotify, no Google Podcast ou no Web podcasts.
Apresentador 2 É ir buscar são subscritores, seguramente não menos importante que o nosso grupo de WhatsApp e da avaliação ao nosso podcast é o nosso website marketingpedidos.pt, que também tem lá toda a informação do que falamos neste podcast. Tornar uma espécie de Fernando Mendes de deste programa sinto-me agora Fernando Mendes é um bocado.
Apresentador 2 Muito bem, fica só para mim.
Apresentador 6 Completamente sozinho nesse parque, não foi?
Apresentador 2 Água das pessoas e é aquela?
Apresentador 2 Coisa que ele faz da promoção para as pessoas irem lá ao.
Apresentador 2 Preço certo? Muito bem.
Apresentador 2 Fred, vamos falar de bons e maus bons produtos e maus negócios. Invenções digitais parece um episódio Netflix, uma série, mas não é o Tema desta semana.
Apresentador 3 É verdade.
Apresentador 3 No fundo, bons produtos e maus negócios que parecem brilhantes, mas os seus planos de negócio podem não estar a funcionar.
Apresentador 3 Ao longo dos últimos 15 anos, existirem ideias digitais inteligentes que cativaram imaginações, transformaram hábitos e reformular indústrias e economias.
Apresentador 3 E há muitos grandes produtos digitais desta geração que nós conhecemos que vieram de maus negócios, alguns exemplos, a Spotify remodelou a música, mas a empresa ainda está a descobrir como é que pode gerar um lucro consistente.
Apresentador 3 A Uber alterou as cidades e tornou-se um modo de vida para alguns passageiros e motoristas. Mas a empresa que eu estou muito mais dinheiro do que aquele que trouxe ao longo dos últimos 13 e.
Apresentador 3 De vida empresas como a Globo o insta Cartoon funciona os Estados Unidos, esta última em todas empresas com foco em entregas de refeições ao domicílio nenhuma.
Apresentador 3 Que traz comidinha à nossa porta, conseguiu ainda ser uma empresa rentável. Já falámos deste podcast da game spot a IDA.
Apresentador 3 Esta última ajudou a tornar um investimento acessível. Divertir as pessoas podem comprar ações criptomoedas essa.
Apresentador 3 Coisas, mas não tornou um comércio LIVRE de ações rentável e, por último, que agora está muito na moda. O Twitter, que é uma força cultural, mas nunca foi uma boa empresa, no diz respeito a dividendos. E Geraldo, portanto, há aqui algumas estrelas tecnológicas que são também indiscutivelmente grandes negócios, incluindo incluindo Facebook, Arbi.
Apresentador 3 Airbnb um vídeo, mas a eventualmente a sua folha financeira não mostra assim grandes resultados. Mas como é que estas empresas com tecnologias transformadoras quebraram a regra de que o negócio morre, se não consegue equilibrar o seu fluxo de caixa?
Apresentador 3 Então a Visão otimista, vou dar aqui 2 muito breves de televisão otimista que nós queremos, que as empresas como a Uber e outras tantas tenham tempo e dinheiro para afinar os seus produtos e agarrarem ao número de clientes e resolver eventualmente os problemas de dinheiro mais tarde.
Apresentador 3 É claro que há muitas empresas digitais.
Apresentador 3 Lucrativas mas estou só.
Apresentador 3 Agora a bem depende como é que.
Apresentador 3 Nós definimos lucros, mas isso deixo para outro.
Apresentador 3 Podcast a.
Apresentador 3 Ir para outro episódio?
Apresentador 3 Não pode episódio.
Apresentador 3 O podcast não esta que é o podcast importa?
Apresentador 5 E tu tens 8 tu tens outro tu tens outros nomes dizes.
Apresentador 3 Eu Não.
Apresentador 2 A última saber ou somos de saber exato.
Apresentador 3 O ponto de vista mais preocupante é que nós podemos estar a viver numa miragem tecnológica e a persistir a empresas que não deveriam sobreviver e por isso, ISTO talvez possa ajudar.
Apresentador 3 Não sei a roubar-nos a inovação verdadeira e duradoura. É isso que eu vou perguntar daqui a pouco, mas eu só queria deixar aqui algumas notas. No ano passado, a Uber gastou quase meio 1000 a.
Apresentador 3 Há 1000 milhões de dólares a mais do que aquilo.
Apresentador 3 Que gerou e isso?
Apresentador 3 Foi já uma?
Apresentador 3 Grande melhoria porque?
Apresentador 3 Aquilo é é sempre a gastar, então sempre se a Uber.
Apresentador 3 Fosse uma empresa.
Apresentador 3 Familiar provavelmente já teria desaparecido há muito.
Apresentador 3 A quem gosta de Uber, vai dizer que é uma canoa com buracos, mas é por opção, porque a Uber tem vindo a expandir-se por várias cidades e por muitos países, mas a tem vindo a ser difícil conseguir escalar e tornar-se rentável em todas as áreas. Na entrega de refeições.
Apresentador 3 A NOS transporte de bens e pessoas já finalizar só mais 2 notas. Uma transformação semelhante está a acontecer com o Spotify, que está a tentar ultrapassar a matemática feita da Transmissão da música e está a expandir-se para podcasts. Eventualmente podem ser lucrativos. Não sabemos ainda.
Apresentador 3 E nós conhecemos bem a Amazon, que é acho que é um exemplo mais famoso de uma empresa que gastou muito dinheiro, gastou mais dinheiro daquilo que trouxe durante os seus primeiros anos, uma condição que eventualmente foi temporária, tornando também como exemplo a Net Flix, a Netflix, que também precisou de pedir dinheiro emprestado até para se manter à tona pergunta para você?
Apresentador 3 Será que as ideias digitais vencedoras da última década?
Apresentador 3 Têm sido as mais inteligentes ou são apenas ideias que tiveram muito dinheiro para tentar e continuar a tentar e continuar a tentar e continuar a tentar?
Apresentador 2 Muito bem e caríssimos algum de vocês. Eu gostaria de perguntas e acho que tem boas respostas para dar, nomeadamente o Diogo que vai já avançar.
Apresentador 6 Bem, se serão as mais inteligentes, eu acho que isso é só o futuro é que o dirá, não.
Apresentador 6 É agora que são 11 empresas que mais capital têm para começar a se desenvolver a até ao lucro. Acredito, não é porque, na verdade, penso que nunca houve tanto investimento na história como há NOS dias de Hoje em em empresas.
Apresentador 6 Quem ai o problema é que pessoas como Elon Musk não é que depois dão muita força a ISTO, porque o Twitter, parecendo que nunca teve EE, sempre foi um buraco, não é? Mas teve um investimento total de 4.4 1000 milhões de de dólares e foi comprado por 44000 milhões de dólares.
Apresentador 6 OK só 40000000 de dólares a mais e pronto e assim assim vale a pena investir ou não, certo?
Apresentador 3 O YouTube foi comprado por 1000 milhões, não é? E o Twitter por 40.
Apresentador 3 E 4000 milhões.
Apresentador 6 É verdade, enfim, a, ou seja, ISTO parece mais que é AA questão é, não é tão sobre se a empresa consegue ter lucro a, mas mais uma espécie de de bolsa não é de compra e venda de futuros. Faz sentido, conhecem a compra venda de futuros, não é?
Apresentador 6 Que que se pode apostar se a empresa vai ter vai, vai vai ter lucro ou não ou ou por estar se contra a empresa não é ia postar sobre o futuro daquilo que vai acontecer, certo?
Apresentador 6 Parece-me que é um é mais como se fosse uma espécie de deste deste mercado de Ricardo corrige me se estiver a dizer alguma coisa errada.
Apresentador 6 Bem o que eu quero dizer é que a ISTO parece ser muito mais uma aposta, é na No No futuro da empresa ou da ideia do que propriamente nem na empresa, não é?
Apresentador 3 Tenho uma pergunta para TI teu?
Apresentador 3 Não é só para perceber se o que estás a dizer é o que eu estou a pensar, portanto, o que estás a dizer que ISTO é uma perversão do capitalismo, ou seja, quando há tanto capital que está concentrado na ideia errada, podemos nunca encontrar coletivamente ideia certa. É isso?
Apresentador 6 É isso, acho que é, sem dúvida, uma perspetiva, OK, é, sem dúvida, uma perspetiva possível é, mas mas é assim, portanto, é uma questão de não, não sei se é uma questão de ser bons ou ser um bom ou mau negócio. Não é a aliás, não é uma questão de ser bom ou mau uma má empresa, mas de ser bom ou mau negócio não é e podem ser coisas diferentes.
Apresentador 1 Antes sim.
Apresentador 2 Está muito filosófico, Eu Estou Aqui um bocado a refletir nessas vou nas respostas, estão a ser dadas para perceber. Já havia um senhor, um Sócrates, que dizia, as dívidas são para qualquer coisa de qualquer coisa.
Apresentador 5 Não se pagam génis.
Apresentador 2 A Nigéria é exatamente, portanto, acho que este o oceano e o mar onde estamos a navegar, não é que é que é essa a ideia que efetuou aqui cima da mesa que é? Um bocadinho.
Apresentador 2 Será que há são de facto, as ideias a mais inteligentes e ou simplesmente têm dinheiro suficiente para continuar a tentar e tornarem-se bem sucedidas? O que é que tu achas, Miguel?
Apresentador 5 Olha, eu estava a ouvir atentamente os 2 e ouvi o Diogo com especial interesse e quero relembrar aqui a história das Tulipas. Alguém se lembra disto?
Apresentador 5 Que em Amesterdão, foi a primeira vez que eu vi um grande na creche. O pessoal começou a apostar no futuro das Tulipas, ou seja, as tulipas começaram a ganhar um valor tão elevado que o pessoal já fazia. Apostas sobre as plantações de tulipas, etc.
Apresentador 5 A este tulipas, chegaram a ser vendidas por milhares de vezes. O valor real de uma de uma Tulipa de uma de.
Apresentador 5 Uma flor não.
Apresentador 5 É perto e.
Apresentador 5 Até que o vale de uma determinada altura que o pessoal perdeu, percebeu, é pá, espera lá ISTO uma Tulipa vale o mesmo que uma casa, mas ISTO é só uma Tulipa e de repente pimba, mas houve um grande cresce, é pá e foi assim, o primeiro grande creche da história da humanidade relativamente a estas bolhas, será que isso é outra bolha tipo das auto?
Apresentador 5 Com a eu penso que ISTO não tem a ver propriamente com a inteligência das ideias. Eu acho que boas ideias. Há sempre a eu penso que ISTO tem um bocadinho a ver com a mentalidade que se instalou no mundo das startups. OKA ideia é tentar em 100 empresas diferentes até encontrarem um unicórnio que seja rentável.
Apresentador 5 Por isso nós vemos imensas empresas e ideias a aparecerem com muita exposição inicial, investimento de capital.
Apresentador 5 De risco, mas depois acabam por não conseguir, porque não tem aquelas aquelas bases que criam um negócio sustentável, não é um dos objetivos iniciais de qualquer startup, é, na realidade, um ciclo vicioso que é conseguir muito atração.
Apresentador 5 Comprovar a utilização por grandes públicos, mostrando um potencial incrível para obter mais investimento, para obter mais Público e obter mais investimento e obter mais Público.
Apresentador 5 Talvez a para terminar aqui o meu raciocínio, ISTO faz-me lembrar assim um matulão com esteróides a lutar contra o Bruce Lee. OK, um matulão é uma startup que deu uma data de investimento e vai com dinheiro pro mercado. Luta, vai lutar para o mercado com muito dinheiro OKO Bruce Lee a uma empresa tipo boot strep, que esteve anos a treinar a lutar nas ruas, sempre a tentar ser rentável.
Apresentador 5 No final de contas depois, quem ganha o combate à? Eu penso que criar um bom produto é relativamente entre aspas fácil, OK, um produto que tenha milhões de pessoas a quererem apagar quase nada por ele, eh pá, e é fácil 3000000 de pessoas, não é? Agora criar um bom produto vendável.
Apresentador 2 Então o que é que estamos aqui a fazer um podcast também não percebi. Eu fico um bocado enganado.
Apresentador 5 Sim, eu dou-te de outros de outro aqui, um exemplo.
Apresentador 2 Porque vais ter uma ideia de milhões, peço à nossa audiência.
Apresentador 2 Eu peço desculpa, Eu Não tenho aqui.
Apresentador 5 E difícil, difícil é criar um bom produto oiçam difícil é criar um bom produto vendável a um preço que traga rentabilidade. Não é a mesma coisa que eu dizer, eu vou criar 11 produto de viagens a Marte por 4999 mais IVA não é? E ele custar milhões milhares de milhões de euros. Não é tipo o que este o que o Uber fez foi vamos ganhar mercado, mercado, mercado, mercado, mercado, mercado. Agora não é rentável, é pá, pois porque ainda há uma espécie de.
Apresentador 4 Certo, pronto.
Apresentador 5 Que é uma pirâmide, não é? Não parece.
Apresentador 5 Ou seja, o pessoal continua a investir para tornar não eu estou e o que eu quero dizer é tipo a é captar investimento, captar investimento, captar investimento até ao ponto em que eh pá será que depois compensa no final? Não é isso rebenta a bolha, que é o que acontece como maior parte das startups, não é? Se 97% das startups falham, a bolha rebentou 97% das vezes, não é?
Apresentador 4 Sede enfim.
Apresentador 2 Sim, mas eu por acaso era bom que algum de vocês se lembrasse assim de uma empresa é pá 1 GB, se calhar nem é difícil ou de cabeça, não tenho aqui nenhum, mas um gigante que tenha que tenha estado nesta, portanto, neste trajeto não é de conseguir angariar investimento, não ter nunca, portanto, não tem lucro durante uma série de anos, mas ser uma ideia que tem que que foi afinado ao longo do tempo e que parecia que eventualmente mais cedo ou mais tarde fosse dar certo. É que depois acontecesse isso que tu estavas a dizer A Miguel que era precisamente, diz, agrupam.
Apresentador 6 Figura um ponto.
Apresentador 3 Eu Amazónia, Netflix, o quê? Não é isso?
Apresentador 2 Eh pá.
Apresentador 5 Rebentou a bolha.
Apresentador 2 Netflix é mega sucesso.
Apresentador 3 A que tenha rebentado a bolha.
Apresentador 5 Mas, por exemplo, o.
Apresentador 2 Tenho aqui, mas o grupo é um bom exemplo. Obrigado Diogo, acho que é. Não sei se trabalhava no formato startup, mas sim uma ideia de produto que que totalmente teve o seu rap não é, conseguiu construir, se calhar trabalhou muito tempo sem qualquer, se bem que eu acho que eles vão lucrar muito tempo, eu vou ter, vou questionar.
Apresentador 5 Mas o próprio o próprio Twitter, o próprio Twitter, se não tivesse sido agora este investimento ao fim ao cabo.
Apresentador 5 Uma espera.
Apresentador 2 Basta colocar não o Twitter tem de ser para algumas ressalvas em avaliar dinheiro She Looks, porque AO impacto do Twitter tem um valor, é exatamente favorável que em termos disto.
Apresentador 5 É não, mas a.
Apresentador 3 E cuidado com a palavra investimento, porque não é investimento na plataforma e dinheirinho no bolso dos acionistas, que é diferente.
Apresentador 5 Sim e mas, por exemplo, estes 44000 milhões, o que é que é algum dia vão ser? É o quem investiu algum dia Hoje vai receber de volta.
Apresentador 2 Não é isso que o fretado se vai receber de volta? Eu Acredito que sim. Eu Acredito que acho que nem foi nada de.
Apresentador 3 Não quer dizer, ademais, que se vai receber 44000 EUR é que.
Apresentador 3 Tu queres e certo?
Apresentador 2 Para os espanhóis de 1000 milhões de euros.
Apresentador 3 Contar os outros não.
Apresentador 3 Os outros ficam com os outros, batem Palmas, se não lavar demais, que se por acaso retirar a proposta se não encontrar financiadores, o Twitter vai receber 1000 milhões assim, de olhos fechados.
Apresentador 2 Como já receberam?
Apresentador 5 Sim, mas os outros, basicamente, ISTO é bomba quente, não é? É batata quente ou não.
Apresentador 3 Mas eu por acaso só Complementando Miguel, concordo, porque é no caso do Spotify, que foi um dos temas que nós já falámos aqui, em vez do Spotify estar a criar um modelo de remuneração que não tem funcionado para a maioria dos músicos.
Apresentador 3 As abordagens alternativas eventualmente até podem prosperar com os Podcasts tua ideia que eu tenho é que estas empresas que não encontraram uma forma de fazer os seus produtos funcionar financeiramente, tornaram-se uma floresta que não foi abatida de árvores mortas e evita-se a rasteira. E vou lá, vai lá ficando, vai lá ficando.
Apresentador 2 Querem querem comprar e por acaso acho que este Tema é bastante extenso. Eu Não quero alongar muito mais. Vou deixar o espaço para a discussão ou no nosso Grupo do WhatsApp em W ponto de marketing direto PT, mas acho um Tema interessante e uma questão pertinente, obrigado Fred de questionarmos se realmente são as ideias mais inteligentes sendo inteligente.
Apresentador 2 É relativo é, mas se se ou se é o facto de realmente terem conseguido angariar dinheiro suficiente para se manterem à tona e irem à I em provo, como é que se diz em português?
Apresentador 2 Melhorar a melhorar o produto o suficiente para se tornar eventualmente um dia é economicamente viável ou sustentável.
Apresentador 2 Muito bem.
Apresentador 2 Está feito os temas obrigado aos 3 a vamos agora para o próximo momento, momento que é um momento dos a dos nossos.
Apresentador 1 O meu.
Apresentador 2 Na subscritores Paulo, desculpem lá, vão falhar. Estou aqui com JET.
Apresentador 2 Seguidoras seguidores do nosso do nosso, que já não do Twitter cólon Musk, nós amavelmente ainda usamos de forma gratuita e, portanto, vamos agradecer aqui, então aos novos seguidores. Assim é que é já entre audiência e obrigado então a.
Apresentador 6 Ao Rui dei aos, já vi tudo.
Apresentador 6 É que se dorman a Sandra Andrade amar ciumento.
Apresentador 5 O full.
Apresentador 6 Que eu acho que é o, pois não sei se é o doutor full que estávamos a falar ainda há pouco e temos ainda o Diogo pontos.
Apresentador 2 Obrigado a todos, têm o nosso follow back.
Apresentador 2 E assim é, vamos passar já de momento, sem mais demoras ao próximo segmento, as rapidinhas força Diogo.
Apresentador 6 Então vamos a ISTO fresquinho fresquinho. Twitter começou Hoje o seu teste de círculos, onde vocês podem decidir quem é que vê o vosso conteúdo quando publicam +29% dos consumidores, não acredita nas afirmações sustentáveis das marcas e 83% dos consumidores admitem mudar os seus hábitos de consumo se lhes oferecerem um desconto.
Apresentador 6 O digital a que o Fred tinha mencionado ainda há pouco no na União Europeia que vem e vai obrigar a meta a Google e outros a terem que explicar o seu algoritmo. OK, ISTO foi um acordo que saiu no sábado. As empresas serão ainda responsáveis pelos conteúdos nas próprias plataformas, com multas até 6% da sua receita, OK?
Apresentador 6 Mais o Facebook?
Apresentador 6 Vai abandonar o seu projeto de podcast após um ano de existência?
Apresentador 6 Lamentamos, parece que a Google também vai preparar para dizer adeus ao antigo Google my Business e ao novo Google Business Profile.
Apresentador 6 Parece que a Google está a empurrar os utilizadores a gerirem as suas contas através do Google Maps ou do motor de.
Apresentador 6 Pesquisa em si.
Apresentador 6 E por último, já é possível pedir a Google para removerem a vossa informação pessoal do motor de pesquisa. Coisas como o número de telefone, Moradas, e-mails, tudo o que seja considerado informação, a pessoal e identificável.
Apresentador 6 É possível remover e o link está em marketing por idiotas.pt.
Apresentador 2 Muito bem, obrigado, Diogo. Foram Hoje rapidinhas desta semana.
Apresentador 5 Eu, eu gostava, era de perceber se aqui o número 6% da receita é assim, uma espécie de número mágico. Agora para taxar os lucros do pessoal quando não fazem com os governos, querem porque já o RG PB e 6% não é?
Apresentador 6 É isso, é isso?
Apresentador 5 É deve estar ali estipulado. Alguém decidiu para as 6:00.
Apresentador 2 Reuniram até às 10. Não é 10? É muito 5 para.
Apresentador 2 5 e pouco.
Apresentador 5 A idade é até ao número mágico pra Itália de Graça.
Apresentador 2 777 sabe das áreas ato para e 8 não também não número da sorte na China pá não cheguei a Bica 6.
Apresentador 2 Não, mas nós estamos aqui a brincar, obviamente, mas como é óbvio, é literalmente assim que acontece. Vocês acham que ISTO é matemática, que andam para lá com fórmulas? Ficação isso.
Apresentador 2 Lá NOS copos lá nas comissões europeias, não sei quanto alguém é pá 4 aí de 566 por mais uma.
Apresentador 2 Rodada bom, muito bem.
Apresentador 2 Fazer literalmente assim é.
Apresentador 6 Aqui, de repente foi estava em Bruxelas.
Apresentador 2 Bruxelas Oh meu Deus.
Apresentador 2 É pá, não tenho aqui, não tenho aqui ou tem que inventar, é.
Apresentador 2 Vamos falar da ferramenta da semana com o mesmo som. Vamos falar de 2 novos subscritores do nossa conta do Twitter esta semana, a ferramenta da semana.
Apresentador 2 É o Router Service e agora lá vem alguém um salva-vidas com uma bóia nadando por entre as águas, salvando.
Apresentador 2 Sou eu ou qual é a ferramenta da semana?
Apresentador 6 Então o Roger Surveys é é uma ferramenta que permite vocês recolherem informação a da visita do utilizador por questionário, ou seja, quando o utilizador, por exemplo, vai a sair do site e o rato sai da do ecrã.
Apresentador 6 Há um em desktop, como é óbvio, só funciona em desktops. Há um pop-up que questiona o utilizador se a encontrou, por exemplo, a informação que queria, não é, vocês podem ir recolhendo esse feedback? ISTO é, ótimo. Eu estou a usar agora a no sentido de otimização de SO.
Apresentador 6 Para perceber se.
Apresentador 6 Que informação é que falta naquela página ou capa para ver Se Eu consigo melhorar aquela página o máximo possível? E então a ideia é tentar recolher se o utilizador a conseguir encontrar tudo ótimo responde que sim e vai-se embora se não consegui encontrar tudo, aparece 11 opção onde o utilizador pode escrever aquilo que gostava de encontrar e são pequenas pistas que NOS podem ajudar a melhorar um pouco mais a página para o intuito que o utilizador lá foi consulta.
Apresentador 2 Fala muito bem, obrigado ferramenta semana o Char Service muito bem, não sei se algum de vocês quer acrescentar mais algum algum comentário final deste episódio.
Apresentador 5 Eu quero só dizer que Eu Não ando a clicar NOS NOS NOS anúncios dos meus concorrentes várias vezes, eh pá, Eu quero que.
Apresentador 2 Miguel o leite o leite for data já passou, já ficou está gravado.
Apresentador 5 Isso fique bem claro.
Apresentador 2 Ai se ficar na Internet fica Para Sempre muito bem. Se não tem mais nada a comentar, vou só deixar a nota mais uma vez se gostarem do nosso podcast, por favor, não se esqueçam não só subscrever, mas também deixar uma avaliação. Spotify, aquele negócio que ainda não é rentável será um dia Google Podcasts ou Apple podcasts.
Apresentador 2 AE assim subscreverem recebem notificações a cada novo episódio. Não se esqueça do nosso grupo do WhatsApp em W ponto marketing bi.
Apresentador 2 W ponto marketingdietas.pt e também não menos importante, o nosso website marketing por idiotas.pt. Nós voltamos a ver na próxima semana, ISTO é semanal, não se esqueçam de cá voltar que terão 19 e peso.
Apresentador 2 E por isso, até lá, caríssimos amigos.
Apresentador 5 Ficamos sempre à espera e depois dizemos sempre todos ao mesmo tempo.
podcast marketing portugal

Os Idiotas

frederico carvalho podcast marketing por idiotas

Frederico Carvalho

Formador e consultor de marketing digital

Miguel Vieira podcast marketing por idiotas

Miguel Rão Vieira

CEO @ pkina.com / funis.pt

Diogo Abrantes da Silva freelancer SEO, SEA, CRO e Web Analytics

Diogo Abrantes da Silva

Freelancer SEO, SEA, CRO e Web Analytics

Escreva pelo menos 1 caractere
WhatsApp Podcast Marketing por Idiotas
spotify Podcast Marketing por Idiotas